24/11/2020

Chapa “Integração: diálogo e ação para garantia de prerrogativas e direitos” é inscrita para concorrer à Eleição ANADEP (biênio 2021-2023)

A chapa “Integração: diálogo e ação para garantia de prerrogativas e direitos” é inscrita para concorrer à eleição dos conselhos diretor, consultivo e fiscal da ANADEP para o biênio 2021-2023. O prazo para registro de candidaturas para o pleito encerrou às 18h da sexta-feira (20/11) e foi homologada pela Comissão Eleitoral nesta segunda-feira (23/11).
A chapa é encabeçada pela defensora pública Rivana Ricarte, que está na Defensoria Pública do Acre desde 2002. Na ANADEP, Rivana Ricarte é a atual vice-presidente institucional e foi também diretora de comunicação no biênio 2017-2019. Ela foi a primeira mulher brasileira a ser indicada para o cargo de Defensora Pública Interamericana, onde atua perante a Corte e a Comissão Interamericana de Direitos Humanos, desde 2016. É mestra em Direito pela Universidade Federal da Paraíba, doutora em Direito pela Faculdade de Direito da USP e membra da Coletiva de Mulheres Defensoras Pública do Brasil. Se eleita, Rivana Ricarte será a terceira mulher a ocupar a cadeira da presidência da ANADEP e a primeira representante da região Norte no cargo.
Já as vice-presidências da chapa serão compostas pela defensora pública do Distrito Federal Rita Lima (vice-presidente institucional); pelo defensor público de Minas Gerais Flávio Wandeck (vice-presidente jurídico-legislativo); e pelo defensor público de São Paulo Augusto Barbosa (vice-presidente administrativo).
Clique aqui e confira a composição na íntegra da chapa inscrita.
Como participar da eleição: 
A Assembleia-Geral Ordinária que vai eleger a nova diretoria da ANADEP (biênio 2021-2023) ocorrerá no dia 10 de dezembro. Para participarem do pleito, as associadas e os associados da entidade deverão manter seus cadastros atualizados até o dia 30 de novembro. Associações Estaduais também devem manter a lista de associados(as) atualizada perante a secretaria da ANADEP. De acordo com o estatuto da ANADEP, presidentes de associação votam presencialmente. Associadas e associados votam online, através da área restrita do site ou presencialmente, se estiverem na AGO. Cada estado da Federação terá direito a três votos, sendo dois votos do(a) presidente da Associação filiada e um voto apurado pela maioria simples das defensoras e defensores públicos presentes física ou virtualmente e aptos a votarem.